28 maio 2007

Todas


Essa é a lista de todas as revistas publicadas até hoje


nº 0 - dezembro 1995
nº 1 - maio 1996
nº 2 - dezembro 1996
nº 3 - outubro 1997
nº 4 - novembro 1998
nº 5 - setembro 1999
nº 6 - agosto 2000
nº 7 - março 2001
nº 8 - agosto 2001
nº 9 - outubro 2001 (comemoração de 6 anos da revista)
nº 10 - setembro 2002
nº 11 - outubro 2003
nº 12 - outubro 2004
nº 13 - 2005
nº 14 - abril 2006
nº 15 - dezembro 2006
1º album - Um dia uma morte - maio 2007

5 comentários:

Graffiti 76% Quadrinhos disse...

Respectivos locais de lançamento e comentários:

(dez95): Festa no extinto Cine Imaginário, com shows de Chemako, Baratas Tontas e Eletrica, bandas do cenário underground (hoje isso se chama indie) aqui de Belo Horizonte. A festa inaugurou o esquema "festa+revista", que persiste até hoje
1 (mai96): Coquetel no hall do Cine Nazaré, com exposição da Flit Grafite. No dia seguinte (que fôlego tinha essa juventude), festa no Teatro Universitário da UFMG, com direito a Luciano Irrthum pisando em falso, às 6 da manhã, e caindo da escada.
2 (dez96): divulgação com lambe-lambe nos muros para memorável show de Jards Macalé, que foi também nosso entrevistado naquela edição. A festa abriu as portas da turminha "in" para o Elite Night Club, antiga gafieira na cidade.

(a suivre)

Graffiti 76% Quadrinhos disse...

3 (out97): Sexo drogas e rock'n'roll na festa no Mercado da Lagoinha. Em meio à Bienal de Quadrinhos, a festa teve muita chuva e vips da hq, como Jano, Vuillemin, Angeli e Adão.
4 (nov98): Seleção desfalcada (Piero em missão na Índia). A festa foi na faculdade de arquitetura da UFMG. Light, porém draft.
5 (set99): O brilho nos olhos retorna, com festa incomum no Brasil Palace Hotel, quinto andar de um prédio sexagenário no centrão. Saldo: todos bêbados.

(a suivre, desta vez by Piero)

pablo disse...

Só dois detalhes complementares:
festa do TU: eu semi-carreguei o Irrthum para fora e demorou muito.
festa do Brasil Palace:
rafa, pablo e bráulio, depois de filar umas rosquinhas do café do hotel, estávamos sentados no quarteirão fechado com umas 100 (?)revistas. Eram 7h20.

piero disse...

com este papo de festa me deu uma sede... vou alí no baiano e já volto, falou!

Madalena disse...

E depois? E as outras?